Photo: Michelin

Notice: Undefined variable: html in /home/prego/pregoafundo.com/modules/mod_specialhtml/mod_specialhtml.php on line 44
ESTREIA BEM SUCEDIDA PARA O C3 R5
Domingo, 08 Abril 2018 00:00

ThumbnailConquistando duas vitórias em especiais através de Stéphane Lefebvre e Gabin Moreau, numa altura em que estes lutavam pela liderança da categoria WRC2, e alcançando o 2º lugar absoluto na categoria, fruto da prestação da dupla Yoann Bonato/Benjamin Boulloud, o C3 R5 demonstrou todo o seu potencial em algumas das mais exigentes classificativas de asfalto do planeta.

Fazer a estreia competitiva do Citroën C3 R5 num rali tão difícil como é a Volta à Córsega foi o que se pode chamar de uma aposta ousada. Apropriadamente denominado como o “Rali das 10.000 Curvas”, fruto da sua ampla gama de dificuldades e superfícies de piso, este rali foi um verdadeiro banco de ensaios em grande escala.

A aposta de risco deu frutos logo no início, com Yoann Bonato, Campeão Francês de 2017, integrado na equipa de fábrica neste rali, a alcançar o 2º melhor tempo entre os concorrentes da categoria WRC2 na exigente especial de La Porta/Valle di Rostino, com quase 50 quilómetros de extensão, a apenas três décimos do piloto mais rápido. De seguida, seria a vez de Stéphane Lefebvre, o piloto oficial da Citroën Racing, que foi prejudicado na especial de abertura por um problema de travões, a realizar uma performance impressionante, dando ao C3 R5 a sua primeira vitória em classificativas. Este resultado comprovou, sem sombra de dúvidas, as capacidades daquele que é o mais recente produto de Competição Cliente da Citroën, num sentimento que voltou a crescer quando Lefebvre confirmou a sua excelente forma, ao alcançar novo melhor tempo na ES4, subindo ao 4º lugar no final da Etapa, enquanto Bonato terminava o primeiro dia de competição na 2ª posição, a apenas 20,8 segundos do líder da categoria.

Infelizmente, o dia de sábado começou com uma saída de estrada fatal para Lefebvre na SS5, etapa em que também Bonato cometeu dois erros, embora conseguindo consolidar a 2ª posição. No domingo disputou as últimas especiais do rali, percurso que inclui o troço mais longo do rali (55,17 km), entre Vero, Sarrola e Carcopino, rematando tudo no final com um bom desempenho e garantindo o primeiro pódio do C3 R5 no WRC2.

Um pódio que premeia todo o empenho e trabalho da equipa de desenvolvimento desde setembro de 2017, altura em que o carro completou os seus primeiros testes de estrada, e que se espera ser o primeiro de muitos!