Photo: Michelin

Notice: Undefined variable: html in /home/prego/pregoafundo.com/modules/mod_specialhtml/mod_specialhtml.php on line 44
Thierry Neuville gere e vence na Suécia
Domingo, 18 Fevereiro 2018 00:00

ThumbnailO curto derradeiro dia do Rally Sweden voltou a ser competitivo, mas acabou com alguma polémica na Power Stage e após a mesma.

 

Thierry Neuville conseguiu gerir muito bem a sua vantagem no derradeiro dia e ainda obteve 2 pontos na Power Stage, vencendo o Rally Sweden pela primeira vez e entrou para uma curta lista de pilotos não escandinavos que venceram o rally. No Rally do México, o belga vai ser o primeiro na estrada.

Craig Breen fez o rally da sua vida, obtendo um resultado que ninguém estava à espera. O irlandês levou o Citroën ao segundo lugar, subiu para sétimo no campeonato a dois pontos do piloto que está em terceiro. No entanto, o melhor piloto da Citroën classificado no campeonato, vai falhar México e Córsega...

Andreas Mikkelsen conseguiu o seu primeiro pódio com a Hyundai e obteve três pontos na Power Stage, mas talvez se esperasse mais do norueguês, num rally praticamente à porta de casa.

Esapekka Lappi foi o piloto mais rápido do dia e notou-se com as posições que ganhou troço após troço, conseguindo subir da sexta para a quarta posição, vencer a Power Stage e ser o melhor piloto da Toyota.

Hayden Paddon deixou o motor calar-se nos dois últimos troços, acabando por perder a quarta posição para Lappi quase no final da Power Stage. O neozelandês só regressa no Rally de Portugal, mas vai participar em alguns rallies na Nova Zelândia para não ficar parado.

Mads Østberg desentendeu-se com a equipa e não teve o carro como queria, perdendo rapidamente a quinta posição para Lappi. De qualquer forma, foi um bom rally para norueguês com apenas meio dia de testes num carro que não conhecia.

Jari-Matti Latvala (7º), Teemu Suninen (8º) e Ott Tänak (9º) limitaram-se a levar os carros até ao final, mas o estónio ainda conseguiu 1 ponto extra na Power Stage.

Muito prejudicado no primeiro dia, Sébastien Ogier optou por se atrasar 25 minutos à partida da Power Stage, para ter melhor ordem de partida, conseguindo quatro pontos extra. O francês agiu totalmente na legalidade porque o regulamento permite, mas alguns pilotos/ co-pilotos ficaram descontentes não pela atitude de Ogier, mas sim porque o promotor atrasou ainda mais a partida do francês, por motivos de programação televisiva.

Elfyn Evans acabou por penalizar no último controlo horário, para dar mais 1 ponto a Ogier

A usar pneus Pirelli, Takamoto Katsuta conseguiu uma vitória brilhante no WRC2, com os Skoda de Pontus Tidemand e Ole Christian Veiby a fecharem os lugares do pódio.

Emil Bergkvist ainda tentou alcançar Dennis Rådström, mas não conseguiu a vitória no JWRC e WRC3 por 7,3s.

VENCEDORES DE TROÇOS:

Ott Tänak (6); Thierry Neuville (5); Andreas Mikkelsen (1); Hayden Paddon (2); Craig Breen (3); Esapekka Lappi (2)

LÍDERES DO RALLY:

Ott Tänak (SS1 a 2); Thierry Neuville (SS3 a 19)

POWER STAGE:

1º Esapekka Lappi; 2º Sébastien Ogier; 3º Andreas Mikkelsen; 4º Thierry Neuville; 5º Ott Tänak

CLASSIFICAÇAO



R.N