Photo: Michelin

Notice: Undefined variable: html in /home/prego/pregoafundo.com/modules/mod_specialhtml/mod_specialhtml.php on line 44
Sébastien Ogier na liderança
Quinta, 25 Janeiro 2018 00:00

ThumbnailO Rallye Automobile de Monte Carlo volta a ser o primeiro evento do World Rally Championship, tal como foi a maioria das vezes na sua história. Com apenas duas especiais noturnas, mas com um total de 62,18km, a noite de quinta-feira teve um misto de piso seco com gelo no topo da especial Sisteron, disputada este ano em sentido inverso do habitual, onde provocou alguns contratempos na maioria dos pilotos de topo.


Apesar de um pião quase parado, Sébastien Ogier conseguiu evitar o pior e ainda venceu em Sisteron, repetindo o mesmo na especial seguinte e terminar a primeira noite com 17,3s de vantagem para Andreas Mikkelsen que foi o único a ficar mais próximo do francês na primeira especial, apesar de ter tido alguns problemas nos travões.

Experiente e regular nestas situações, Dani Sordo terminou a primeira noite em terceiro, trocando de posição com Esapekka Lappi que estava mais preocupado em manter-se na estrada do que tentar ganhar troços.

Ott Tänak perdeu alguns segundos na primeira especial devido a uma ligeira saída de estrada, mas Jari-Matti Latvala fez dois piões e por duas vezes deixou o motor calar-se e perder 55s para o líder na primeira noite.

Craig Breen também saiu de frente na primeira especial e foi ajudado por espetadores, mas com uma pressão elevada nos pneus dianteiros na especial seguinte, o irlandês fez um pião, perdendo mais alguns segundos e uma penalização de 10s que o fez baixar uma posição.

Mais habituado aos R5, Bryan Bouffier cedo viu que as suas notas eram demasiado optimistas para este carro bem mais potente, acabando por perder muito tempo para Ogier, mas manteve-se na estrada sem problemas.

Já Kris Meeke não teve a mesma sorte, ao sair de estrada no gelo e ter de esperar pela ajuda de alguns espetadores, mas mesmo assim ainda perdeu bem mais de 1 minuto.

Elfyn Evans furou um pneu na primeira especial e parou para o trocar, perdendo quase 4 minutos para o seu companheiro de equipa. Pior, esteve Thierry Neuville que ficou preso na neve e não tinha muita ajuda por perto, perdendo mais de 4 minutos para o líder.

 

Eric Camilli dominou o WRC2 na primeira noite, sendo 19,1s mais rápido do que o checo Jan Kopecký e 33,9s do que Stéphane Sarrazin que não estava inscrito no WRC2, tal como Ole Christian Veiby com uma desvantagem de apenas de 2s para o francês do Hyundai e com uma vantagem de 3s para Teemu Suninen.


Kalle Rovanperä foi segundo entre os R5 na primeira especial, mas baixou para sexto na seguinte a 7,6s de Suninen. Por outro lado, Kevin Abbring furou e saiu de estrada na primeira especial, perdendo mais de 8 minutos para o mais rápido.

Andrea Nucita foi o melhor entre os RGT e duas rodas motrizes, tendo Yoann Bonato logo a seguir no primeiro R2, com 10,4s de vantagem para o jovem francês Jean-Baptiste Franceschi que liderava o WRC3.

CLASSIFICAÇAO


R.N