Photo: Michelin

Notice: Undefined variable: html in /home/prego/pregoafundo.com/modules/mod_specialhtml/mod_specialhtml.php on line 44
HÁ MUITA MOTIVAÇÃO NAS FILEIRAS DA ARC SPORT
Segunda, 27 Março 2017 00:00

ThumbnailRicardo Moura, Bruno Magalhães, Joaquim Alves e Aloísio Monteiro são os mosqueteiros da equipa de Aguiar da Beira para a abertura do Campeonato da Europa de Ralis que este ano começa com o Azores Airlines Rallye na ilha de São Miguel.

A ARC Sport promete lutar por lugares de destaque numa das mais belas e bem disputadas provas do ERC. Com uma lista de inscritos de topo, a equipa está consciente das dificuldades que vai encontrar, mas o ânimo e motivação são argumentos suficientes para mais um grande desafio.

LUTAR PELOS LUGARES DO PÓDIO

Depois da fantástica vitória do ano passado, Ricardo Moura e António Costa garantem que, perante o seu público, vão voltar a lutar até ao último quilómetro por um resultado de destaque com o Ford Fiesta R5.

É um enorme prazer e um grande desafio estar novamente presente neste que é o mais importante evento desportivo disputado nos Açores. O objetivo será o mesmo do ano passado, isto é, lutar pelos lugares do pódio. A concorrência é fortíssima, queremos tentar manter um ritmo que nos permita estar sempre próximo do nosso objetivo. Será uma difícil tarefa, mas por isso tão estimulante e motivadora. Contamos com a nossa equipa e com o público nesta importante caminhada”, afirmou, com firmeza, Ricardo Moura.

 

ESTAMOS TODOS MUITO MOTIVADOS

Também vitoriosos nos Açores, Bruno Magalhães (2008 e 2010) e Hugo Magalhães (2014), vão estrear nos troços da ilha de São Miguel um Skoda Fabia R5 da última geração, preparado nas oficinas da ARC Sport. O entusiasmo do popular piloto é enorme.

Estamos todos muito motivados para esta prova. Já lá vai um ano e meio que não conduzo em pisos de terra, mas sei que vou tentar compensar com muita motivação. É a primeira vez que vou guiar um Skoda Fabia R5, um carro muito competitivo e pleno de capacidades. Vou ter a honra de ser o primeiro piloto do carro, que me surpreendeu pela positiva e me entusiasmou bastante. Tanto eu como a ARC Sport já vencemos nos Açores e penso que esta possa ser uma ligação que venha a dar frutos. Queremos andar na frente e vamos puxar ao máximo pela nossa grande motivação. Quero ainda deixar um agradecimento a todos os nossos patrocinadores e à nossa equipa”, disse Bruno Magalhães.

 

TENTAR SER CONSISTENTE

Joaquim Alves regressa aos Açores ao volante do Ford Fiesta R5 e com Luís Ramalho no banco do lado. Evoluir em pisos de terra e tentar ser competitivo em troços tão seletivos com os da ilha de São Miguel, é o principal objetivo.

“”Depois dos percalços do ano passado, o grande objetivo para esta prova é terminar sem incidentes. Em paralelo quero tentar ser consistente ao longo de todo o rali. Como gosto muito desta prova, desejo desfrutar o máximo dos troços, que são espetaculares e que contam sempre com o apoio de um público entusiástico, o que faz deste rali um dos mais interessantes do Campeonato Nacional de Ralis”, declarou Joaquim Alves.

TESTAR O CARRO EM PISOS DE TERRA

Aloísio Monteiro vai participar pela segunda vez na prova açoriana, mas pela primeira vez ao volante do Renault Clio R3 T, agora com especificações para ralis de terra. O piloto vai contar com a larga experiência do açoriano Sancho Eiró, diversas vezes campeão açoriano de navegadores.

Vamos testar o carro em terra e saber como se comporta com o set up de chuva. Como esta é a primeira prova com este carro em terra, queremos entender o seu comportamento e tirar o máximo partido de uma longa experiência num extenso rali como este. Amealhar pontos para o campeonato das duas rodas motrizes é o nosso principal objetivo, e para isso é absolutamente necessário chegar ao fim”, concluiu Aloísio Monteiro.

CONFIANÇA E MOTIVAÇÃO

Para a ARC Sport este é mais um desafio demasiado importante. Na edição deste ano a equipa conta com quatro pilotos, dois deles que já triunfaram na prova açoriana. Para Augusto Ramiro, o responsável pela equipa de Aguiar da Beira, a habitual dedicação e elevado grau de profissionalismo de todos os elementos da equipa são fatores essenciais.

Temos total confiança em todos os nossos pilotos e acreditamos sinceramente que possam alcançar todos os seus objetivos. Pelo nosso lado, e como é timbre da equipa, tudo faremos para que possam obter excelentes resultados. Apesar de uma fantástica lista de inscritos, estamos bastante confiantes e motivados”, afirmou Augusto Ramiro.