Photo: Michelin

Notice: Undefined variable: html in /home/prego/pregoafundo.com/modules/mod_specialhtml/mod_specialhtml.php on line 44
Audi A1 Sportback
Terça, 20 Março 2012 11:19

ThumbnailA Audi ampliou a família A1. Começa agora a circular nas estradas portuguesas o novo Audi A1 Sportback. O compacto de cinco portas é emotivo, individual e jovem, desportivo e eficiente. A Audi oferece em Portugal o A1 Sportback em combinação com cinco motorizações potentes e eficientes na fase de lançamento, com o sistema de elevada tecnologia S tronic e com numerosos equipamentos multimédia.

 

O Audi A1 Sportback com um comprimento de 3,95 metros foi pensado e desenvolvido para um público jovem e urbano. O seu desenho evidencia-o de uma forma clara como um membro da grande família Audi. Na parte dianteira destaca a grelha Singleframe com os seus contornos superiores de corte oblíquo. Os grupos ópticos estão disponíveis, em opção, com faróis Xénon plus e luzes de dia em tecnologia LED. Os farolins de efeito tridimensional também são compostos neste caso por díodos luminosos.
O capot do motor e o portão traseiro transmitem a sensação de estar a “abraçar” a carroçaria, enquanto a linha de cintura circunda todo o veículo e a elegante e fluída parte traseira do tejadilho, que integra um spoiler, termina no pilar C marcadamente inclinado. Em caso do cliente pretender, a Audi pode pintar aquela parte do tejadilho numa das três cores de contraste disponíveis.
Aproximadamente dois terços da carroçaria do Audi A1 Sportback foram produzidos em aços de alta e máxima resistência. O seu evoluído conceito de construção ultraleve estabelece as bases para obter um peso total muito reduzido: na versão 1.2 TFSI, este modelo de cinco portas apenas pesa 1.065 quilos. A rigidez, a elevada segurança e o conforto acústico da carroçaria garantem uma soberana sensação de condução ao volante do A1 Sportback, tão desportiva como precisa e ágil.

Na fase de lançamento no mercado do A1 Sportback, a Audi oferece uma combinação de cinco motores diferentes de quatro cilindros – dois blocos TDI e três TFSI – com potências compreendidas entre os 86 CV (63 kW) e os 185 CV (136 kW). Todos os motores possuem injecção directa e regem-se pelo princípio de downsizing, substituindo uma maior cilindrada pela sobrealimentação, beneficiando entre outros aspectos uma diminuição no consumo de combustível. Todas as versões, à execpção do 1.6 TDI S tronic e do modelo mais potente a gasolina (1.4 TFSI), estão equipados de série com o sistema Start-Stop e sistema de regeneração da energia de travagem. As versões 2.0 TDI de 143 CV (105 kW) e 1.4 TFSI de 140 CV (103 kW) com tecnologia “cylinder on demand” irão estar disponíveis mais tarde.
Todas as variantes do A1 Sportback surpreendem pela sua eficiência: o 1.6 TDI equipado com caixa de velocidades manual, por exemplo, apresenta um consumo médio de apenas 3,8 litros aos 100 km (4,2 litros com sistema S tronic), equivalentes a emissões de CO2 de 99 g/km (110 g/Km com caixa de velocidades S tronic). Na versão 1.2 TFSI a gestão térmica especialmente complexa contribui também para reduzir o consumo, que neste caso ascende a 5,1 litros aos 100 km.A transmissão da força motriz realça o papel de liderança que o A1 Sportback ostenta na sua categoria de mercado. As caixas manuais, de 5 e 6 velocidades, combinam em perfeita sintonia desportivismo com eficiência. Para as versões 1.4 TFSI de 122 CV (90 kW) e 1.6 TDI de 90 CV (66 kW) é também proposta a caixa de velocidades S tronic de sete velocidades, que pertence ao equipamento de série do motor TFSI mais potente (185 CV / 136 kW). A transmissão de dupla embraiagem proporciona mudanças de relações com uma extrema suavidade e uma extraordinária rapidez, sem uma interrupção perceptível da força motriz. O condutor pode optar que o sistema S tronic actue “por sua conta” ou controlá-lo manualmente.

Na fase de lançamento apresenta preços a partir de 19.770 euros nas versões a gasolina (1.2 TFSI Advance) e de 22.130 euros nas variantes diesel (1.6 TDI Advance).